Caipirinha de Yakult, Como fazer?


caipirinha de yakult

Como fazer uma Caipirinha de Yakult?

Yakult? Aquela bebida fermentada com lactobacilos vivos e adocicada? É isso mesmo, você não leu errado, existe sim uma caipirinha feita com Yakult e hoje vamos contar a vocês sobre ela, e o melhor ensinar o passo a passo de como prepara lá. Preparar uma caipirinha de Yakult é similar as das demais caipirinhas tradicionais a diferença é o nosso ingrediente especial que é o Yakult.


Bebidas utilizadas para fazer a Caipirinha de Yakult

Para se preparar uma Caipirinha de Yakult vamos utilizar o yakult, claro, e como a base desse drink é uma caipirinha de limão com vodka iremos utilizar também a vodka.


Existem algumas pessoas que são fãs da caipirinha tradicional feita com cachaça e preferem esse destilado para seu coquetel, como também há preferencia por outros tipos de bebidas como saquê, rum, ficara a critério de cada um essa escolha porém indicamos a vodka que combina muito bem com os demais ingredientes e não tem um teor alcoólico muito alto.

caipirinha de yakult, como fazer, dicas e receita

Ingredientes:

  • 1 Limão taiti cortado em 4 pedaços

  • 1 Colher de sopa de açucar

  • 1 Potinho de Yakult (contendo 80 gramas)

  • 50 ml de Vodka

  • 4 Pedras de gelo

  • Para saber mais sobre como preparar uma caipirinha de limão tradicional Clique aqui!

Utensílios Essenciais:

Como Preparar a sua Caipirinha de Yakult

Vamos lá, existem duas maneiras de se preparar uma boa caipirinha 1º chamamos de modo montado que é preparado no próprio copo e o 2º modo sheikado preparado em uma coqueteleira o que normalmente é usado por barmans em bares.


Hoje vamos ensinar as duas maneiras e ficará a critério de vocês. Recomendamos o modo sheikado por deixa a sua caipirinha mais gelada e encorpada.


1º Caipirinha de Yakult – Montada

  1. Lave o limão taiti e corte as laterais. De um corte no meio e retire a parte branca. Corte as duas metades mais uma vez ficando com 4 partes iguais de um limão inteiro.

  2. Coloque os pedaços de limão em um copo próprio para caipirinha, de preferência tente colocar a polpa do limão virada para cima.

  3. Em seguida, acrescente uma colher de sopa de açúcar.

  4. Utilizando um macerador (socador), esprema a fruta.

  5. Encha o copo com gelo, em média de 3 a 4 pedras.

  6. Acrescente 50 ml de vodka e logo após o frasco de Yakult

  7. Use uma colher ou algum mexedor como por exemplo uma Colher Bailarina para misturar os ingredientes, apos sirva.

Anote ai: Ao utilizar o macerador (socador) esprema a fruta de modo a extrair seu suco, sem girar o macerador na casca para não agredir a fruta e amargar sua caipirinha.
caipirinha de yakult, limão

2º Caipirinha de Yakult – Sheikada:

  1. Adicione os pedaços de limão já cortados em uma coqueteleira, de preferência tente colocar a polpa do limão virada para cima.

  2. Em seguida, acrescente uma colher de sopa de açúcar.

  3. Utilizando um macerador (socador), esprema a fruta.

  4. Adicione de 3 a 4 pedras de gelo a coqueteleira.

  5. Complete seu coquetel adicionando os 50 ml de vodka e o frasco de Yakult

  6. Tampe a coqueteleira, utilize a Técnica Shake por 5 a 10 segundos.

  7. Coloque o sua Caipirinha de Yakult em um copo apropriado e sirva logo em seguida.

Informações Adicionais:

  • Calorias: Aproximadamente 300 calorias

  • Teor Alcoólico: Médio/Baixo

  • Dificuldade de preparo: Fácil

  • Tempo de Preparo Aproximado: de 3 à 5 minutos

História da Caipirinha de Yakult

caipirinha de yakult, Caipirinha

Informação importante: A Caipirinha é o 44º coquetel mais vendido no mundo em 2017, segundo a Drinks International


Atualmente existem inúmeras histórias sobre sua origem mas ao que tudo indica ela surgiu no interior de São Paulo. Inicialmente era uma mistura composta por limão amassado, cachaça e alho utilizada como xarope para tratar os doentes da gripe espanhola, como o álcool também era muito utilizado nos remédios caseiro foi introduzido a mistura.


Logo depois eliminaram o alho e mel o trocando por algumas colheres de açúcar, e por fim acrescentaram algumas pedrinhas de gelo para refrescar e ajudar no calor. Também conhecida como “caipira” dando alusão aos habitantes do interior e sua origem interiorana, com ingredientes baratos e de fácil acesso a caipirinha se tonou uma receita muito popular entre todas as classes sociais.


Curiosidade:

Um fato importante para a fama mundial da Caipirinha aconteceu em 1993, quando o então presidente da Associação Brasileira de Bartenders (ABB) e Vice-Presidente da Associação Internacional de Bartenders (IBA), Derivan de Souza, defendeu que o coquetel legitimamente brasileiro deveria fazer parte da lista dos Coquetéis Populares IBA. Quando se pergunta a alguém de fora o que eles lembram quando escutam o nome do Brasil, com certeza em alguma das respostas estará a caipirinha.   Há ainda quem diga que é um crime passar pelo Brasil e não provar pelo menos uma.


Hoje vista como um símbolo de orgulho para os brasileiros ela representa não apenas um coquetel mas também a história da cultura brasileira. A mistura de cachaça, limão, açúcar e gelo vem conquistando muitos admiradores pelo mundo.


Porém a buscar por aprovação internacional da cachaça fez com que ocorresse uma negação das camadas mais altas em relação aos costumes nacionais adotando hábitos vindo de fora. Assim a cachaça que sempre foi ligada aos menos favorecidos e escravos da antiguidade foi rapidamente dando espaço a um coquetel de mesma base da caipirinha já conhecida porém com destilados diferentes, como é o caso da Vodka mais conhecida como Caipivodka ou Caipiroska.


As diferentes variações das caipirinhas não ocorrem só com a substituição dos destilados mas também com as frutas, atualmente encontram-se caipirinhas com saquê, vodka, rum entre outros destilados.


Com as frutas não é diferente o limão com o tempo foi também sendo substituído pelo maracujá, morango, abacaxi, uva, kiwi entre outras frutas, em algumas são até adicionadas especiarias como pimenta, hortelã, canela entre outras inúmeras combinações, que é o caso da escolhida de hoje a Caipirinha de Yakult.


Conclusão

O Yakult, uma bebida fermentada criada por volta de 1930 época em que o Japão passava por um surto de infecções gastrointestinais, foi buscando uma solução para esse problema que o Dr. Minoru Shirota descobriu organismos vivos resistentes à acidez do estômago, que inibiam a proliferação de bactérias intestinais nocivas, provocando o equilíbrio da flora intestinal, esses organismos foram ditos Lactobacillus casei Shirota.


Mas foi só em 1935 que o Yakult propriamente dito foi apresentado como um líquido composto por leite desnatado e fermentado pelos Lactobacillus. Tendo como objetivo ser distribuído para o maior número de pessoas, foram criadas as “Yakult Ladies” mulheres que comercializavam o produto de casa em casa e que aumentaram cada vez mais seu sucesso expandindo para a Oceania, Europa, Américas e Ásia, e foi assim conquistando cada vez mais uma legião de fãs pelo mundo, alcançando a marca de um dos alimentos mais consumidos no seculo 20, utilizado diariamente por 30 milhões de pessoas. Tanto o yakult como a caipirinha foram bebidas inicialmente criadas para alcançar qualquer tipo de público sendo ingeridos em todas as casa pelo mundo. Seriam essas características tão parecidas que tornaria essa mistura tão fantástica e tão popular?


Yakult misturado com uma bebida alcoólica? é isso mesmo… 😀 De início, você pode até achar estranho mas a caipirinha de yakult vem trazendo um novo sabor ao quesito caipirinhas e se tornando cada vez mais popular nos bares e restaurantes. O suco de limão e da vodka combinado com o leite fermentado e seu gosto doce e ácido são características que inovaram o sabor das caipirinhas tradicionais, uma combinação perfeita, leve que harmoniza com uma série de ocasiões.


Gostarem desse artigo? Vou deixar 3 dias de artigos que estão bombando.

  1. Cosmopolitan

  2. Aperol Spritz

  3. Manhattan

Últimas Postagens
Posts em breve
Fique ligado...
Postagens Recentes
Arquivo
Busca por Temas
Nenhum tag.